top of page
Buscar
  • Foto do escritorEditora Pendragon

Talk Show do Dragão estagiário. Entrevista com o autor Tiago Carvalho do livro Caçadores de Ezória


Abaixa o volume da sua tevê e me escuta pelo telefone, pois está começando mais um Talk Show do Dragão Estagiário! Hoje com o autor Tiago Carvalho, autor do livro Caçadores de Ezória! Seja bem-vindo e parabéns pela publicação!





Para começar, na sua história temos quatro adolescentes indo para um mundo fantástico. Qual deles tem a maior chance de propor para os outros fazer um cosplay do Quarteto Fantástico?


Hahaha, acho que a Clara ou o Ian. Os dois são os mais geeks dos quatro, sendo que a Clara é mais ligada a livros e o Ian a games. E, agora que você me fez essa pergunta, me forçou a pensar quem seria quem nesse cosplay. O Pedro seria o Coisa; o Ian, o Tocha Humana; a Clara, o Reed Richards; e a Chloe, a Sue Storm. Acredite se quiser, há razão de ser assim, mas não vou dizer o porquê, rsrs.

Curiosidade 1: Quando caiu em Ezória, Chloe achava que os gorgrons eram cosplayers tirando onda com a cara dela. Uma pena que não eram, seria muito melhor se fossem...

Curiosidade 2: O grupo de zap comigo, minha esposa, minha cunhada e o esposo dela se chama “Quarteto Fantástico”, hahaha. Ainda não discutimos quem é quem no Quarteto, mas olha, já consigo chutar quem seria, só que para preservar a boa relação familiar vou ficar calado, haha.


Se uma emissora quisesse adaptar o seu livro para uma novela da tarde, você aceitaria?


Para ser honesto eu preferiria uma animação, rsrs. Na verdade, Ezória nasceu na minha cabeça como uma animação, sabia? Depois foi que decidi escrever um livro. E a influência do universo ter nascido como uma animação ainda está lá. Trato cada capítulo como um episódio e minha memória é muito visual, então imagino muitas cenas como uma animação antes de transpor para as palavras, em especial as cenas de ação.

Então já deixo o recado para os serviços de streaming. Alô Netflix, Amazon, tamo aí, viu? A Disney não sei, pensaria melhor porque estou de mal com ela depois das últimas séries da Marvel, hahaha.

Porém, entretanto, todavia, como se falava num quadro da Escolinha do Professor Raimundo, “fazemos qualquer negócio”. Quem não tem animação, caça com novela da tarde, hahaha.


Se os personagens da sua história estivessem atrás de horas que foram transformadas em minutos, eles seriam os Caçadores de Ex-horas?


Hahaha. Eu tenho mesmo que responder essa ou posso apenas ficar aqui rindo da piada infame? Kkkkkk


Qual a maior loucura que você pensou em colocar no livro, mas (graças ao Dragão Ancião) não entrou na versão final?


Nossa, sabe que não teve? Rsrs. Segundo a primeira revisora da editora, meu livro foi um dos que ela menos teve que alterar. Acho que consegui barrar todas as loucuras antes de enviar o livro ao Ninho dos Dragões, hehe.


Tendo em vista que os personagens saem do mundo moderno para habitar esse mundo, qual deles sente mais falta do TikTok?


Ah, com certeza a Chloe! Ela era uma influencer na Terra. Então TikTok era a vida dela! Vocês nem imaginam como ela sente falta de postar trends, fazer live, fazer seus vídeos de dicas de maquiagem, dos recebidos e, principalmente, de receber biscoito dos seguidores.

Antes de cair em Ezória, ela estava fazendo uma live com os irmãos, foi a última coisa que ela fez na Terra. O celular está com ela em Ezória, mas lá não tem 4G nem Wi-Fi, uma pena. Tem um tal de kolidron que os caçadores usam para se comunicar, mas não tem TikTok nele.


Você já criou um personagem inspirado em alguém de quem você não gosta e matou ele de forma cruel?


Hahaha, não! Não mesmo! (E se tivesse criado não contaria, rsrs).

Curioso que nenhum dos meus personagens fiz inspirado em alguém específico. Alguns deles têm mais de mim do que de alguém que eu conheça. O escritor acaba colocando um pouco de si na história, mesmo sem perceber, e acho que sem perceber coloquei algo meu no Ian, é o que mais parece comigo. O Pedro e a Clara têm alguns aspectos semelhantes a mim também. Já a Chloe não tem nada meu, rsrs.






Se um dia é da caça, outro do caçador, quais os dias da semana favoritos dos personagens?

Nossa, as perguntas só melhoram! Tô adorando! Haha


Ah, eu chutaria que todos gostam do sábado! É o melhor dia da semana. Você acorda sabendo que tem o dia todo livre e o dia seguinte (domingo) também será. Nossa, uma das melhores sensações da vida é a de acordar num sábado, hahaha. Assim, acho que todos vão gostar do sábado. A Clara porque estará longe do colégio e poderá se trancar no quarto para ler, a Chole terá mais tempo para redes sociais, o Pedro marcará algo com alguma garota e o Ian irá avançar em algum game de RPG.


Qual o melhor esporte radical para sair do bloqueio criativo?


Sabe que nunca tive? Rsrs. Tenho o problema inverso, tenho mais ideias do que consigo executar. Meu cérebro é independente e rebelde, ele trabalha por conta própria, basta eu ver algo que ele começa a maquinar sozinho para criar algo em cima daquilo. Por sinal, tenho problemas para ler porque quando começo a ler eu já imagino várias coisas do universo que estou lendo e até de outros universos, tenho que me concentrar para não deixar meu cérebro viajar sozinho, rsrs. Também sou do tipo que planeja antes de escrever, isso ajuda bastante a não ter bloqueio criativo, porque quando me sento para escrever sei exatamente os caminhos que irei trilhar.


Temos uma personagem influencer na história. Que tipo de recebidos ela poderia fazer no mundo de Ezória?


Humm, Ezória tem vários apetrechos mágicos que usam como energia o etérium (energia capturada dos monstros exilados). Os aludares e os elfos marrons são os mais inventivos nesse aspecto. Estamos falando de caçadores, guerreiros treinados, então armas e armaduras bem adornadas seriam ótimos recebidos, se forem fabricados por vulcos e ogros então, é garantia certa de um bom material. Com as invasões dos monstros exilados e a guerra contra os gorgrons, está difícil ter recebidos dos povos do sul, o que é uma pena, pois há ótimos artesanatos lá.

Agora, para quem gosta de algo mais refinado, nada como uma joia fabricada pelos elfos brancos de Ordanëll, são os melhores ourives e joalheiros de Ezória. Eles estão para lançar um brinco mágico capaz de mudar o rosto da pessoa, será algo revolucionário, muito melhor que botox e harmonização facial, hehe.


Dê um spoiler sem contexto do livro:


Fique de olho nas minhas redes sociais e não perca as novidades.

Sim, isso é um baita spoiler sem contexto, não é propaganda para me seguir, haha. Mas pode me seguir também, rsrs. @tiagocarvalhoverso no Insta e no TikTok






Tiago Carvalho

Autor Pendragon

Adquira o livro pelo link:


73 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page