Desculpe se ofendi

May 3, 2016

 

 

Olá, leitores.

 

Resolvi fazer algo diferente na minha postagem do blog. Como hoje vivemos uma situação turbulenta neste país, gostaria de compartilhar um texto que escrevi em 2011, mas que se encaixa perfeitamente na realidade atual.

 

 

DESCULPE SE OFENDI

 

Seria bem-vinda uma dose dupla de tranquilidade capaz de me convencer de que o que vejo lá fora é bom, é justo, porque na maioria dos meus longos dias (os recentes) o que vejo são tentativas alheias de encher o próprio copo, pouco se importando com o espaço do seu semelhante.

 

Ou com o que ele pensa.

 

Egoístas ou não, pediria favor para entenderem o quão ruim é compartilhar da ignorância de outros pelo preço barato de um nada. É uma pechincha que dispenso, dou de ombros mesmo. Que a dose me seja generosa, talvez servida com gelo, porque árduo é perceber quando querem que engulamos discursos esfarrapados de que está tudo bem quando ouvimos promessas e mais promessas por melhores condições.

 

O que me falta entender - e confesso, isso irrita - é ver que quem está embaixo ofende o seu semelhante no tempo em que as ofensas que mais doem vêm de cima.

 

Obs: não desfaçam amizades por causa de opiniões políticas. Enquanto nós brigamos, eles acham graça disso tudo.

Please reload

Colunas
Posts Recentes